Elekô (2015)

[5min]

 

Uma colagem de performances poéticas que conduzem a uma experiência audiovisual de ser negro. Olhando para a história negra da região portuária do Rio de Janeiro, o filme afirma as belezas dessa zona negra da cidade, construída para fortalecer o feminino e o sagrado sentido do ser.

 

Uma obra coletiva de MULHERES DE PEDRA.

Edição de Adriana Nishmi + Amanda Palma

 

EXIBIÇÕES

 

IFFR - Festival Internacional de Rotterdam - Holanda

Cine Deglutição - I Fórum Social da UFSB Itabuna /BA
Cine Mujeres Latina - Lima/Peru
Cine Acadêmico - Grupo de Estudos Diáspora Africana UFF / Santo Antônio de Pádua
Cine Mujeres - Cidade do México / México
Cine Lumiar - Lumiar/RJ
Festival Visões Periféricas 2015 - Rio de Janeiro/RJ

nishmi | 2020